in ,

As regras do Muay Thai na Itália

muay-thai-6 As regras do Muay Thai na Itália

As regras do Muay Thai na Itália.

Conhece as regras do Muay Thai na Itália?

O STATUS DO ATLETA

Atletas de muay thai com adesão aceitam em todo o seu direito o estatuto e regulamentos da adesão.

Todos os atletas são obrigados a se apresentar nas corridas com o Passaporte Esportivo devidamente renovado, indicando o grau de cinturão e com o certificado de aptidão para a prática esportiva emitido por um centro de medicina esportiva, sob pena de expulsão da competição.

CLASSIFICAÇÃO DE ATLETAS NO REGULAMENTO DO MUAY THAI NA ITÁLIA

Os associados podem participar de competições de esportes anéis (CONTATO COMPLETO) somente a partir de 16 anos até 40 anos de idade.

Eles são divididos com base em sua experiência e validade técnica em quatro séries:

  • AMADORES PRIMEIRA SÉRIE ou Classe “A” (sobre a 15ª partida)
  • EM SEGUIDA, AMADORES SEGUNDA SÉRIE ou Classe “B” (da 11ª à 15ª partida incluída)
  • E AMADORES TERCEIRA SÉRIE ou Classe “C” (do 6º ao 10º jogo incluído)
  • INICIANTES ou Classe “N” (da estreia até a 5ª partida incluída)

Esclarecimentos: Se o atleta passar a série durante um torneio, ele permanecerá na categoria em que se inscreveu até o final do torneio. Torneio significa o período de tempo que decorre do primeiro peso oficial até o final da última final.

CATEGORIAS NO REGULAMENTO DO MUAY THAI NA ITÁLIA:

Júnior M/F : A partir da data de conclusão do 16º ano de idade (até os 19 anos)

Idosos M/F: De 19 a 40 anos. Desde o dia em que o atleta completa 19 anos até o dia em que completa 41 anos.

Específico: Aos 19 anos, o atleta júnior passa automaticamente entre os veteranos. O atleta sênior não pode mais voltar a competir como júnior.

ATLETAS DE OUTROS CORPOS

Se o atleta vier de outras Entidades de Promoção Esportiva de esportes de combate, sua classificação competitiva será estabelecida com base no histórico pessoal anterior.

muay-thai As regras do Muay Thai na Itália

CATEGORIAS DE PESO NO REGULAMENTO DO MUAY THAI NA ITÁLIA

ART. 1 – As categorias de peso para o K1 são divididas em:

 

HOMENS SENIORES E JUNIORES

MULHERES SENIORES E JUNIORES

MINIMOSCA-51 kgVOAR– 48 kg
VOAR-54 kgPENA– 52 kg
PENA-57 kgLUZ– 56 kg
LUZ-60 kgMÉDIA– 60 kg
WELTER JUNIOR-63,5 kgMÁXIMO MÉDIO– 65 kg
WELTERWEIGHT-67 kgMÁXIMO PARA CIMA– 70 kg
LUZ MÉDIA-71 kgSUPER MÁXIMOS+70 kg
MÉDIA-75 kg
MÁXIMO MÉDIO-81 kg
MAXIMA LUZ-86 kg
MÁXIMO-91 kg
SUPER MÁXIMOS+91 kg

 

LOCAL DA CORRIDA

ART. 1 – O local de competição deve ser uma superfície quadrada de um mínimo de 6 a um máximo de 8 metros de cada lado. A superfície deve ser plana e lisa, feita de plástico ou material emborrachado, não delimitada por cordas.

Uma luta de Muay Thai acontece em um ringue, ele deve ter todos os requisitos regulatórios e deve ser muito semelhante em tamanho e conformidade com o usado no boxe.

Caso a realização de uma competição envolva o uso de uma gaiola (aprovada para o M.M.A.), caberá à comissão organizadora verificar a adequação do mesmo para realizar lutas de Regras K-1 de forma a garantir a total segurança dos atletas em relação às estruturas utilizadas.

img_4820.x60407 As regras do Muay Thai na Itália

ROUPAS E PROTEÇÕES DE LUTADORES NO REGULAMENTO DE MUAY THAI NA ITÁLIA

ART. 1 – Os atletas de Muay Thai terão que se apresentar nas corridas, equipados com o uniforme regulamentar composto apenas por shorts. O uniforme pode levar o nome do clube ou do patrocinador do clube, ele deve ser limpo, não desfeito e não rasgado.

ART. 2 – Os atletas terão que aparecer para a luta com todas as proteções gastas. Os atletas usarão uma concha de material durável debaixo de seus shorts.

A para tíbia ou a para tibia/calzare não podem conter núcleos de plástico duro ou metal, deve cobrir todo o pé. A para tíbia e o calzare ou a para tibia/calzare devem ser de couro, imitação de couro ou plástico, macio e liso. É permitido usar para tíbia ou para tíbia/ sapato de pano.

As mulheres (j e s) terão que usar o para seno. Tanto os machos quanto as fêmeas devem usar um capacete de corrida protetor (sem maçãs do rosto).

É obrigatório para todas as categorias usar o protetor bucal. É proibido usar protetores bucais vermelhos.

As luvas devem ser 10 onças mão fechada, couro, imitação de couro ou plástico, macio

e liso, com estofamento uniforme distribuído nas costas e ao nível do pulso. As luvas geralmente soldadas aos pulsos por material elástico protegido por pele lisa, podem ser ainda mais presas às mãos por uma rodada de gesso, mas não de fita adesiva ou outro material plástico. O árbitro da partida, a seu exclusivo critério, sempre tem o direito de ordenar a substituição das luvas se estiverem muito deterioradas ou irregulares.

As proteções devem possivelmente ter o logotipo do fabricante claramente visível, e em qualquer caso apenas o material aprovado pode ser usado na corrida.

ART. 3 – Os atletas terão o cuidado de cortar suas unhas do pé, sob pena de remoção de competições

É proibido trazer objetos metálicos (correntes, brincos, relógios, óculos, etc.) que possam causar ferimentos a si mesmo ou ao oponente. Qualquer atleta que se apresente na praça não está em conformidade com as regras do art. 1, 2 e 3 terão um minuto e meio (90 segundos) de tempo para superar. Depois desse tempo, se o atleta não reaparecer na praça em ordem, ele será desclassificado.

ART. 4 – Atletas de Muay Thai, a partir da terceira série ou classe “C” terão a oportunidade de jogar o Ram Muay antes do início da partida.

muay-thai As regras do Muay Thai na Itália

ATADURAS NAS REGRAS DO MUAY THAI NA ITÁLIA

As ataduras das mãos devem ser feitas pelo menos trinta minutos antes do início das competições.

Todas as ataduras serão verificadas e assinadas por pessoal especial que anunciará o controle de curativo através do sistema de áudio.

Aparecer no controle de curativos é obrigatório para todos os atletas.

O curativo pode ser formado por gaze ou curativo elástico do comprimento de m. 2,50 e cm de largura. 4,5.

Gaze ou ataduras devem embrulhar a mão e ser fixadas com as precauções apropriadas para que elas não saiam das luvas.

É permitido o curativo artesanal formado única e exclusivamente pelos seguintes materiais:

  • Gaze
  • Ataduras em hemmed
  • Fita adesiva/tecido
  • Ataduras coesas

Este curativo serve exclusivamente para proteger o pulso e os dedos do atleta e, consequentemente, é absolutamente proibido endurecer o curativo ou aplicar clipes, pinos ou pomadas.

A equipe responsável pela verificação das ataduras tem o direito de remover ataduras de atletas que não são adequados.

As ataduras artesanais devem ser as mesmas em forma e características das ataduras aprovadas para o boxe.

img_6471 As regras do Muay Thai na Itália

CORRIDA NO REGULAMENTO DE MUAY THAI NA ITÁLIA

ART. 1 – A hora da corrida é:

  • JUNIORES M/F três tiros de 1,5 minutos e intervalos de 1 minutos
  • N – SENIORES M/F CLASS “N” três arremessos de 2 minutos e intervalos de 1 minuto
  • C – SENIORES M/F CLASS “C” três arremessos de 2 minutos e intervalos de 1 minuto
  • B – SENIORES CLASSE M/F “B” três arremessos de 2 minutos e intervalos de 1 minuto
  • A – SENIORES CLASSE M/F “A” cinco tiros de 3 minutos e intervalos de 1 minuto

Se dois atletas terminarem a partida empatados, uma rodada extra será feita onde 1 minuto é previsto para as finais de 2 minutos. Se os atletas ficarem empatados novamente, a preferência será dada.

ART. 2 – Os lutadores se enfrentarão separados por cerca de dois metros, no centro da praça da corrida, e trocarão a saudação curvando-se ou tocando seus punhos como um sinal de aperto de mão. A luta pode começar imediatamente após o anúncio pelo árbitro central de “Chok” ou ” Fight!”.

ART. 3 – Na competição de Muay Thai você só pode atacar a frente e o lado do tronco e do rosto, com socos, chutes, joelho e cotovelo. É permitido atacar as coxas do adversário com chutes circulares, com trajetória interna ou externa e é permitido atacar a coxa com chutes frontais ou laterais ou com qualquer outro tipo de chute. É permitido lançar joelhos com trajetória frontal, circular, oblíqua, saltada, direcionada ao corpo ou ao rosto.

ART. 4 – A luta no clinch será julgada passiva se desde o momento inicial até um tempo de 5 segundos nenhuma técnica for realizada com joelho, cotovelo e/ou desequilíbrios. Neste caso, o árbitro, no tempo do quinto segundo, interromperá a partida separando os dois atletas.

ART. 5 – As varreduras devem ser realizadas em favor da articulação. As varreduras só são válidas se não estiverem acima do tornozelo (maleoolus) e aqueles que as realizam não tocam no chão, exceto com os pés (nenhum outro tipo de suporte no chão é válido). Um atleta desembarcado é um atleta que toca o chão com qualquer parte do corpo (exceto os pés).

ART. 6 – Quando o tempo acabar, o árbitro central deve ser notificado por um sinal acústico ou outros meios.

sopra-la-legge-1 As regras do Muay Thai na Itália

 

JULGAMENTO RACIAL NO REGULAMENTO DO MUAY THAI NA ITÁLIA

ART. 1 – As decisões dos árbitros e juízes serão definitivas e sem possibilidade de recurso.

ART. 2 – A direção da partida é de responsabilidade exclusiva do árbitro que, a todo momento, deve garantir que as regras do K1 sejam respeitadas. Ele não pode tolerar qualquer violação do Regimento.

ART. 3 – A vitória é decretada ao final de cada partida por 3 juízes que sentam ao redor da praça e terão que preencher um formulário especial. Ao final de cada arremesso, cada juiz terá que decretar a vitória (daquela rodada) atribuindo 10 pontos ao melhor atleta e 9 ou 8 ao adversário (dependendo da diferença encontrada naquela rodada). Ao final do tiroteio programado, o juiz anotará os pontos marcados pelos atletas. O atleta que marcar mais pontos ganhará.

ART. 4 – O árbitro tem o direito de recordar e desqualificar os competidores, recordar ou remover os segundos dos lutadores. Ele tem o direito de suspender a reunião quando a conduta do público prejudica o bom andamento da corrida. Pode parar a luta se uma proteção estiver fora do lugar.

ART. 5 – Durante a partida, o árbitro fará uso das ordens de “stop” ou“Yud”,“break” ou“Yak”,“Chok”ou “fight” e “time”:

ART. 6 – O árbitro deve parar a partida em caso de falta, ou quando um ou ambos os competidores são culpados de tiros proibidos, neste caso ele deve:

  • lembrar verbalmente o culpado;
  • penalizá-lo por um ponto, reportando-o aos juízes;
  • desqualificá-lo.

O árbitro pode tomar uma dessas medidas dependendo da gravidade da falta.

ART. 7 – Para transmitir as penalidades referidas no art. 17, o árbitro deve interromper a partida com a ordem de “parar” e dirigir-se à mesa do júri com a ordem do “tempo”. Richiamer{ em voz alta o culpado recorrendo a sinais apropriados para que o público também entenda o que está acontecendo, atribua a pena e se for o caso retomará a reunião com a ordem de “luta” / “Chok“. A intervenção do árbitro deve ser oportuna.

ART. 8 – Quando os dois competidores estiverem na fase de “clinch”, o árbitro terá que parar a luta com a ordem de “quebrar”/”Yak“enquanto bate ligeiramente no ombro dos atletas com uma mão, somente depois que os atletas não lançarem nenhum golpe ou desequilíbrio dentro de cinco segundos.

Os atletas terão que recuar um pouco nessa ordem e voltar a lutar.

O árbitro nunca deve passar entre os competidores.

ART. 9 – A partida de Muay Thai deve ser arbitrada por um árbitro central e três juízes.

O árbitro central não tem direito de julgamento, a menos que seja decidido pelo C.di R.

ART. 10 – O árbitro, toda vez que ele pega uma impropriedade por parte de um lutador, deve intervir para reprimir e recordar o culpado em palavras ou penalizando-o por um ponto.

O árbitro também tem a autorização para parar a luta se os encontros ocorrerem ao redor da praça da corrida que impeçam o bom andamento da competição, ou se os segundos dos atletas na corrida se comportarem de forma incorreta, falando ou incitando em voz alta seu atleta ou pior se desrespeitarem o árbitro e os juízes. Neste caso, o árbitro tem o direito de desqualificar o atleta.

ART. 11 – O árbitro pode parar a partida indicando à mesa do júri para parar o horário em que:

  • um atleta está ferido ou doente no chão;
  • o chão está muito molhado;
  • ou o lutador deixa o local da competição;
  • um lutador é obrigado a reorganizar o uniforme;
  • considere apropriado por qualquer razão.

ART. 12 – Em caso de acidente, o árbitro vai parar o tempo e chamar o médico de plantão.

Caberá ao médico decidir se o atleta pode ou não continuar a reunião em um tempo máximo de dois minutos. Se dentro deste tempo o atleta tratado pelo Doutor não estiver em posição de retomar a luta não poderá mais lutar.

stamp-warning-with-red-text-on-white As regras do Muay Thai na Itália

AÇÕES PROIBIDAS NO REGULAMENTO MUAY THAI NA ITÁLIA

ART.1 – As seguintes ações são consideradas proibidas:

  • ataque com a cabeça;
  • anexar ou simular um ataque aos olhos;
  • mordida e arranhão;
  • bateu na garganta, nape, parte superior da cabeça, coluna;
  • anexar sob a correia (testículos, barriga, etc.) com exceção das coxas;
  • realizar alavancas articular;
  • realizar varreduras na direção oposta à articulação;
  • para as classes “N” – “C” – “B” é proibido girar o punho para trás e qualquer tipo de cotovelo virado, permitido apenas na classe “A”
  • você não pode bater com uma mão aberta, mas apenas com uma mão cerrado com a parte da mão;
  • então não é permitido pegar as cordas para acertar o oponente;
  • você não pode fazer idiotas;
  • e você não pode fazer projeções;
  • usar técnicas de combate;
  • realizar a “captura de urso”;
  • não é permitido segurar a perna chutando do oponente para fins obstrutivos, em vez disso é permitido segurá-lo para trazer socos, chutes ou golpes de joelho, cotovelo;
  • gritando sem motivo, fazendo gestos desrespeitosos em direção ao adversário ou em direção aos árbitros;
  • falhar a qualquer momento para a ética esportiva;
  • deliberadamente perder tempo, então deliberadamente evitar o combate;
  • colocar o uniforme e as proteções no lugar sem a autorização do árbitro;
  • falar durante a reunião;
  • deliberadamente amarrar os braços do adversário;
  • não executar imediatamente as ordens do árbitro;
  • jogue-se no chão sem motivo ou caia para evitar o ataque do oponente;
  • virar as costas sobre a ação do adversário;
  • jogar técnicas cegas (técnica cega significa uma técnica de soco ou chute em que o olhar ou testa não é direcionado contra o alvo);
  • comentar, mesmo com gestos ou expressões faciais, o trabalho dos árbitros.

Quando o árbitro pega qualquer uma dessas ações, ele deve intervir imediatamente.

ART. 2 – Um atleta pode a qualquer momento, retirar-se da competição levantando o braço como sinal de rendição. Nesse caso, o árbitro chamará o outro atleta para perto dele e levará seu braço para o céu proclamando-o

Vencedor por abandono.

JULGAMENTO DA LUTA NAS REGRAS DO MUAY THAI NA ITÁLIA

ARTE. 1 – Quando a luta for julgada por três juízes, o árbitro central terá que parar a partida com a ordem de “parar” ou “YUD” no bipe final do tempo, enviar os lutadores para seus cantos, coletar as folhas dos pontos elaborados pelos juízes e depois de verificar que eles foram compilados em cada parte

Pag. 7 e assinado, vai entregá-los à mesa do júri. Ele vai levar-se para o centro da praça da corrida com os lutadores ao seu lado, agarrá-los pelos pulsos, esperar o veredicto da mesa do júri e levantar o braço do vencedor pronunciando a palavra “Vince”.

ART. 2 – Se uma partida é julgada por dois juízes, o árbitro central tem o direito de julgamento. Estes, no final da luta, terão que parar a reunião com a ordem de “parar”, enviar os atletas para o seu canto e preencher seu cartão, em seguida, coletar as folhas de pontos dos dois juízes e depois de vê-los vai entregá-los à mesa do júri. Ele vai levar-se para o centro da praça de corrida com os atletas ao seu lado, vai esperar pelo veredicto do júri e vai levantar o braço do vencedor pronunciando a palavra “Vince”.

ART. 3 – Os juízes sentarão nos limites da praça da corrida, um para cada lado da praça e nunca em frente à mesa do júri, terão a tarefa de julgar a reunião com a máxima imparcialidade, correção e profissionalismo.

ART. 4 – Caso para um juiz a partida termine em empate antes ou depois da possível rodada extra, ele terá que atribuir a vitória por preferência, ou seja, ele terá que marcar a pontuação total da paridade e abaixo ele terá que marcar com um X o vencedor. Ao atribuir a preferência, o juiz terá que levar em conta a qualidade técnica expressa, o estado psicofíso geral, as habilidades ofensivas e defensivas, a estratégia geral utilizada pelos atletas.

AÇÕES VÁLIDAS NAS REGRAS DO MUAY THAI NA ITÁLIA

ART. 1 – Os juízes terão que julgar uma reunião de Muay Thai com base na validade das técnicas e é aí que a técnica é:

  • lançado com a forma correta;
  • corrigir em distâncias;
  • dinâmico, ou seja, contém decisão, velocidade, precisão e recall;

Ao avaliar a reunião, o juiz deve levar em conta a defesa (ativa ou passiva) dos desfiles, esquivas e ataques (sejam elas compostas ou decompostas).

O ATLETA – COMPORTAMENTO E CORRIDA HOLD

ART. 1 – O atleta de Muay Thai é mantido com o maior respeito em relação ao C. di R. e aos oficiais da corrida. Ele deve abster-se de comentários e discussões, sempre observando as regras do comportamento mais correto também para com os espectadores. Uma vez no quadrado, ele é permitido conferir apenas com seus segundos em voz baixa durante os intervalos. Sem razão, ele poderá falar com o árbitro.

ART. 2 – Durante o tiroteio ele deve observar o silêncio mais absoluto, sendo permitido apenas, quando ele pretende, pronunciar apenas a palavra “abandono”.

Ele deve prontamente executar as ordens dadas pelo árbitro e ouvir respeitosamente suas observações.

Ele usará o comportamento mais cavalheiresco em relação ao oponente e seus segundos, abstendo-se de qualquer gesto ou palavra que possa parecer desrespeitoso com eles e para com o público.

Convidado pelo árbitro, imediatamente antes e imediatamente após a proclamação do veredicto, ele apertará a mão do oponente.

O SEGUNDO DO LUTADOR

ART. 1 – Os lutadores têm o direito de serem seguidos até o canto por um segundo (por exemplo, treinador).

O segundo na esquina de um lutador deve necessariamente usar um traje de treino e tênis, sob pena de remoção da área de competição (tatame ou anel).

Ele só pode falar com o atleta assistido durante os intervalos entre um tiro e outro. Pag. 8 ART. 2 – O segundo é obrigado a cumprir e aplicar rigorosamente as regras e instruções dadas pelos oficiais de corrida e pelo C. di R.

ART. 2 – É imperdível para este último ajudar seu atleta no vestiário antes e depois da partida. Eles são responsáveis por seu comportamento dentro e fora da praça. Eles devem garantir que os combatentes não recebam bebidas alcoólicas ou excitantes de qualquer tipo.

Abstenha-se de qualquer comentário sobre o trabalho do árbitro e dos juízes, evitando qualquer discussão a esse respeito.

ART. 3 – Durante as filmagens, estes últimos são obrigados a acompanhar a luta em silêncio. Este último que contrariar as regras acima mencionadas, pode ser chamado pelo árbitro central ou pelo C. di R., advertido ou removido do canto mesmo durante a duração do torneio. O árbitro também pode pronunciar a desqualificação do lutador por infrações cometidas por seus segundos.

ART. 4 – O segundo é permitido jogar a toalha dentro do ringue ou tatame se ele notar que seu lutador é incapaz de continuar a luta. Isso imediatamente interrompe a reunião.

 

Agora basta ler as regras do Muay Thai, treinar e preparar !!!

Streer Fight Mentality & Fight Sport

Andrea

What do you think?

Written by Andrea

Instructor and enthusiast of Martial Arts and Fight Sport.

- Boxing / Muay Thai / Brazilian Jiu Jitsu / Grappling / CSW / MMA.
- Self Defence / FMA / Dirty Boxing / Silat / Jeet Kune Do & Kali / Fencing Knife / Stick Fighting / Weapons / Firearms.

Street Fight Mentality & Fight Sport! State Of Love And Trust!

Other: Engineer / Professional Blogger / Bass Player / Knifemaker

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *