HomeSelf DefenceDifesa PersonaleSaiba quando fugir do perigo

Saiba quando fugir do perigo

Fugindo do perigo

Saber quando fugir do perigo não é algo tão óbvio.

Socializar na presença de outras pessoas é inevitável, pois vamos a bares para tomar aperitivos, discotecas, todos saímos para comer, vamos a shows, estádios ou centros esportivos para assistir esportes e encontrar amigos em vários pontos da cidade, etc.

Todas essas situações nos colocam ao redor de pessoas sobre as quais não conhecemos.

Há muitos episódios onde você vai e onde você está cercado ou cercado por estranhos que você não sabe nada sobre.

Isso se torna extremamente perigoso quando ocorre um conflito,
independentemente de você estar diretamente envolvido ou não.

Quando alguém se torna indisciplinado, chateado, agressivo e pede para se acalmar ou sair de um estabelecimento de qualquer tipo, seja um bar, um supermercado, uma discoteca, um centro esportivo, o que se segue pode ser extremamente perigoso e muitas vezes é.

Como regra geral, se alguém for convidado a deixar uma instalação em que você está, você deve sair também.

Pensar.

Você tem que fazer algo bastante desviante para pedir a si mesmo para deixar um local.

Se alguém inclinou a balança nessa direção, é seguro assumir que é instável, imprevisível e uma ameaça potencial.

Saiba quando fugir do perigo

Saber quando fugir do perigo, algumas coisas para entender quando algum estranho perto de você se torna perturbador e agressivo:

Estado mental instável: pessoas educadas e estáveis não são removidas do local, elas vão lá para se divertir. Suponha que alguém próximo a você seja mentalmente instável ou sob a influência de álcool e substâncias, com atitudes agressivas e provocativas, é imprevisível. Esse tipo de pessoa não é alguém que você quer ao seu redor, sua namorada, seus amigos ou entes queridos.

Negar o direito: negar o direito de alguém, como pedir que ele saia de um local público, muitas vezes é um gatilho para comportamentos violentos. Se um indivíduo mentalmente instável, drogado ou embriagado sente que está perdendo o direito de se divertir, a violência pode acontecer.

Funcionários sem treinamento ou falta de segurança: Não sinta uma falsa sensação de segurança porque um “funcionário” lidou com o problema escoltando alguém para fora de um local. Suponha que esses funcionários não tenham noção do que está acontecendo, ou façam vista grossa e não sejam treinados para a segurança que é normal. Seu trabalho é atender clientes, vender refrigerantes,
não proteger os clientes
. Se alguém for removido, a polícia deve ser chamada ou deve haver pessoal de segurança. Isso raramente acontece em muitos contextos, porque a segurança em uma empresa é um custo. Quando os funcionários afastam os clientes do local, eles estão agravando a situação, intencionalmente ou não, mas é o que acontece.

Consequências: Uma vez que alguém foi convidado a sair, você tem que assumir que logo se tornará violento ou voltará a fazer mal. Muitas vezes, um cliente indisciplinado é escoltado para fora de um estabelecimento, vai até seu veículo, recupera suas armas e depois retorna. Isso acontece repetidamente. Não se exponha a isso ficando parado.

É hora de fugir rapidamente: assim que os problemas começarem, é hora de sair. Mesmo que você não esteja diretamente envolvido, saia. Há muitos outros lugares que você pode ir. Não se preocupe em parecer bobo ou exagerar.

O noticiário é cheio de notícias em que uma pessoa foi retirada de um clube, apenas para retornar logo depois e fazer mal, muitas vezes com amigos ou uma arma de fogo.

Hoje a sociedade é multicultural e algumas ações que podem ser raras entre seus companheiros de aldeia, não são para outras culturas, e tudo pode ser ainda mais complicado quando você adiciona o abuso de álcool e drogas que torna a pessoa mais agressiva, menos atenta às consequências, especialmente se estiver sob estimulantes.

Ninguém gosta de terminar um passeio para beber um aperitivo, um jantar, uma festa prematuramente, mas é isso que você tem que fazer dadas as consequências do que pode acontecer,
é melhor sair assim que os problemas começarem.

Saiba quando fugir do perigo Fighting Tips - Street Fight Mentality & Fight Sport

Conclusões

Eu sei que é um incômodo, você saiu para se divertir e tem que sair mais cedo, mas não precisa fazer descontos quando o assunto é segurança, defesa pessoal, tem que antecipar eventos e não sofrê-los.

Pode parecer exagero, mas é essencial entender e analisar o contexto em que você está, como local, como ambiente, o bairro em que você está, as pessoas que o frequentam, o país onde você está talvez você não more lá, mas você está de férias, o legislativo e a facilidade de ter armas, não são óbvios e é por isso que você absolutamente tem que fugir em alguns casos sem pensar muito e fazê-lo rapidamente.

Fiquem atentos!

Mentalidade de Luta de Rua

Andrea
Andreahttps://expertfightingtips.com
Con una passione per la difesa personale e gli sport da combattimento, mi distinguo come praticante e fervente cultore e ricercatore sulle metodologie di allenamento e strategie di combattimento. La mia esperienza abbraccia un vasto panorama di discipline: dal dinamismo del Boxing alla precisione del Muay Thai, dalla tecnica del Brazilian Jiu-Jitsu all'energia del Grappling, dal Combat Submission Wrestling (CSW) all'intensità del Mixed Martial Arts (MMA). Non solo insegno, ma vivo la filosofia di queste arti, affinando costantemente metodi e programmi di allenamento che trascendono il convenzionale. La mia essenza si riflette nell'autodifesa: Filipino Martial Arts (FMA), Dirty Boxing, Silat, l'efficacia del Jeet Kune Do & Kali, l'arte della scherma con coltelli e bastoni, e la tattica delle armi da fuoco. Incarno la filosofia "Street Fight Mentality", un approccio senza fronzoli, diretto e strategico, unito a un "State Of Love And Trust" che bilancia l'intensità con la serenità. Oltre al tatami, la mia curiosità e competenza si spingono verso orizzonti diversi: un blogger professionista con la penna sempre pronta, un bassista dal groove inconfondibile e un artigiano del coltello, dove ogni lama è un racconto di tradizione e innovazione. Questa sinfonia di abilità non solo definisce la mia identità professionale, ma dipinge il ritratto di un individuo che nella diversità trova la sua unica e inconfondibile voce e visione. Street Fight Mentality & Fight Sport! Andrea
RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Most Popular

Recent Comments

error: Content is protected !!